É um dos materiais mais versáteis quando falamos em decoração e a sua variedade tornam-no numa aposta quase sempre ganha, sobretudo, nos quartos. Aqui ficam seis projetos a (com)provar isso mesmo.

Fotografia de destaque: Paulo Lima

A aplicação dos papeis de parede pode ocorrer em qualquer canto da casa, inclusivamente em cozinhas e casas de banho. Regra geral, são sinónimos de maior conforto e personalidade.

Vivemos uma fase mais sóbria e longe dos loucos anos 60 onde tudo foi vivido com intensidade… Até na colocação do papel parede que ocorria em todas as paredes da casa! Hoje, somos mais seletivos atribuindo-lhe, habitualmente, destaque apenas numa parede ou divisão.

Quando falamos em casa, descanso e relaxamento, ocorre-nos inevitavelmente o quarto. A divisão que mais pede um ambiente acolhedor, confortável e inspirador. E acredite, uma parede de cabeceira integralmente forrada a papel de parede é meio caminho para esse resultado. A consequência é quase sempre um ambiente diferenciador de onde não apetece sair.

Naturalmente que as cores mais suaves e padrões mais delicados ajudam a atenuar os efeitos dos dias mais agitados, contudo, é sempre possível jogar com combinações. Isto é, usar papéis de paredes com um padrão na parede de cabeceira, por exemplo, e um liso nas restantes paredes. Fica a dica.