Uma área com mais de 3000m2 que acolhe um chalé integrado com a natureza.

Créditos das fotos: Frédéric Bouchard, Yves Lefebvre, Kevin Botchar Colaboração: Patrick Morand e Lise Gagné Architects|Atelier Barda |segundo memória descritiva

Localizada no leste do Monte Pinnacle, em Frelighsburg, no Quebec, Canadá, esta casa (segunda habitação) teve a intervenção do atelier Barda. O projeto responde à premissa principal: um local com espaços amplamente abertos à natureza. Construído com estrutura de painéis de madeira maciça (CLT), o resultado é um projeto cuja imagem crua é fácil de manter.

Trata-se de um grande volume subdividido em três subáreas programáticas: A área destinada aos pais – sala, a área lúdica pensada para as crianças e a zona pensada para os hóspedes. Apesar do clima rigoroso do inverno e do o acesso às zonas limítrofes o projeto permite acentuar o relacionamento do ocupante com a natureza aquecendo os espaços ocupados.

A zona de refeições exterior protegida permite aceder ao corredor oriental, cuja colunata dialoga com a verticalidade das árvores vizinhas. O volume preto contrastante deixa bastante espaço para a natureza circundante, os efeitos perceptíveis de claro-escuro mudam constantemente dependendo do ângulo em que é abordado.

Os interiores foram totalmente moldados de acordo com a ligação com o exterior. As janelas rasgadas têm lugar de destaque e tudo se desenrola em torno destas.