Fernanda Fehér, 30 anos, e é artista plástica. Nasceu em São Paulo, mas hoje reside em Lisboa e nós fomos conhecer o seu estúdio de pintura!

De descendência húngara e belga sempre viveu no meio das artes: a sua família frequentava exposições e museus e a sua avó, Lily Sverner, foi uma renomada fotógrafa que sempre a encorajou a seguir por esse caminho. Formou-se em teatro pela Escola Celia Helena, tirou um curso de desenho pela NY students league of Art e o Bacharelado em Fine Arts pela Pratt Institute, também em Nova York.

Atualmente reside em Lisboa e conta com nove anos de carreira, tendo exposto em galerias como BG27 e Arte 57, em São Paulo, Collectionair e Lazy Susan Gallery, em Nova York e na Casa Pau-Brasil, em Lisboa. Nada alimenta mais a imaginação e a criatividade do que um bom livro que tenha uma linguagem poética.

Obra Jardim de Hortências IV, Inkjet print on hahnemühle paper with water mixable oil paint,

O seu principal hobby é cozinhar para os amigos e familiares no se próprio ateliê, além de cuidar das suas plantas e desenhar em bares de jazz.

Obra Frida Cristina, Oil on canvas,

Dedica-se ainda ao trabalho voluntário, nomeadamente na Give a Heart to África – Escola para mulheres em Moshi, na Tanzânia, onde deu aulas de inglês e pintou retratos para o seu projeto “As Mulheres de Lá”. O projeto consiste em visitar organizações focadas nas mulheres, conhece as pessoas, trabalha no que for necessário e vai pintando retratos. O pagamento dessas pinturas vendidas é depois reencaminhado para a organização ou à comunidade onde existem.

Obra Mulheres de Lá

Obra Udada Sisterhood