Quem é o Dino? 

Sou arquitecto de formação pela universidade Lusíada, tenho ainda formação em protocolo gestão e organização de eventos, sou designer de interiores e floral designer.
Tudo isto anda a volta da palavra estética, não me deixei ficar somente pela arquitectura e abri o leque trabalhado em outras áreas.
Sou da ilha da madeira e vivo em Lisboa desde a altura da faculdade.
Adoro viajar e tudo o que acho ser bonito. Sou também pintor tendo feito várias exposições.
Tenho adoro a minha maneira de ver e rir da vida.
A vida tem sido muito boa para mim, MAS…eu tenho sido muito bom com ela também.
Tenho uma família unida e muito amiga.
Tenho muitos casacos e alguns amigos e muitos conhecidos…hi hi hi
Não pareço, mas sou “normal” simplesmente sou naturalmente EU.
Adoro decoração, adoro poder ver um grande sorriso na cara de quem me contrata.
13133162_10207921612091172_2864223518434216586_n
Onde podemos encontrar  o seu atelier?
Tenho atelier em Lisboa na a Eneida dom Carlos 1 ao pé da assembleia da república, um escritório na ilha da madeira e uma morada em londres, que torna muito importante os trabalhos que faço em londres, Paris e Dubai.
Qual é o seu método de trabalho?
Sou muito prático, na madeira como trabalho e relaciono com clientes. Para começar quem procura O Dino, procura uma assinatura, uma identidade, uma pessoa em questão. Numa primeira reunião faço uma consultoria com o cliente de preferência no local. Se após esta “reunião” o cliente tiver a certeza que quer mesmo o meu trabalho, passo para o trabalho propriamente dito, orçamentos, projecto, até chegarmos a um resultado final.

 

Onde se inspira normalmente para  a identidade decorativa de um projecto?
Inspiro me muito nas viagem que faço, nas coisas que vejo, nas revistas de moda e arte, nas combinações de roupas de pessoas que encontro nas ruas.
Claro que tenho variadas identidades estéticas que sigo, mas essencialmente nas viagens, nas montras do locais que viajo, em tudo o que anda a minha volta.
O truque?…ando sempre com os olhos bem abertos e nada me escapa. Sou um esteta por natureza e vejo beleza em coisas que ninguém vê…esse é um dos meus “truques”.
Qual é a sua época preferida na arquitetura portuguesa ou mundial? 
Sem ter haver com política, e sem ser do meu tempo, adoro a Arquitectura do Estado Novo, época de Salazar, pela estética na organização, estetica de linhas construtivas, a conjugação improvável de cores (reparem que marcas como a Prada, utilizam conjugações improváveis tal como neste período), o aparecimento do Betão, a expiação da cidade de forma mais organizada e metódica, arestas rectilíneas, uma estética modernista com ideais marcados e muito directos.
Um exemplo será o Edifício do Diário de Notícias na Avenida da Liberdade de 1940 projectado pelo Arquitecto Porfirio Pardal Monteiro. Outro exemplo o casino Estoril, a Ponte 25 de Abril…uma estética muito segura, e muito actual.
Qual é o seu quadro preferido?
O meu quadro preferido são os meus. Pinto muito antes de vir para a faculdade e cada vez gosto mais deles, pela grandiosidade, pela conjugação de cores, pelo que transmito e tento transmitir.
IMG_1335

 

 Qual é a sua peça de design preferida?
Poltrona “Basquete” por exemplo ( imagem em anexo)
Adoro várias mas como estou a usar está num trabalho lembrei.
É divertida, diferente, confortável, e está a ficar linda num projecto to em tons de branco, cinzentos e está cor camel.
Qual é a sua loja, marca ou empresa preferida?
Os meus projectos começam muitos pela escolha dos tecidos, é uma das áreas que mais trabalho em qualquer projecto, a junção de texturas de tramas é uma coisa que amo fazer, só depois passo mesmo para o design de peças. Adoro a empresa Forma e Enredo de tecidos, gosto muito da marca Dedar.
Adoro o arquitecto Peter Marino e adoro a loja/marca Jimmie Martin in Kensington, West London é magnífico.

 

Qual é o seu projecto de sonho?

Um hotel em Itália, em Capri, algo super luxuosa de experiências e requinte.
Um hotel em Lisboa, cidade que vivo e adoro, adorava poder pegar no prédio velho desta cidade e transformar em algo byDino…JA esteve mais longe!!!

 

IMG_0802

 

O que não pode faltar na  mala de um arquitecto/designer ?
Uma boa mala!
Não pode faltar uma boa mala, a pessoa trabalha para isso, para ter uma imagem bonita, para ter as coisas que gosta, um bom acessório faz um look.
Dentro da mala poder ir de tudo, barrar de cereais, caneta, bloco ou simplesmente nada…cada profissional trabalha de maneira diferente, há quem trabalhe sem mala.
Eu por exemplo prefiro uns bons dentes, fazem vender uma imagem.

 

O que vê no futuro do seu atelier?
No futuro do meu atelier…não sei, no meu futuro vejo um Dino, que tem dado os passos muito sólidos, um a um, com um trabalho coerentemente correcto, com respeito pelas pessoas. Um profissional dedicado, diferente…sim…na estética que acredita, mas essencialmente um profissional que tem marcado o seu percurso digno e muito feliz.
IMG_0808
Curiosidades sobre Dino:
Adoro antiguidades, artedeco
Adoro velas boas por exemplo Diptyque 
Adoro londres
Adoro água
Adoro as cores vermelho sangue de boi e cinzento
Adoro mar e desporto
Adoro poder desenhar peças específicas para clientes
Adoro os casacos do Armani
Adoro o meu Rolex bicolor – intemporal 
Adoro a minha casa ( pelo conforto, mistura – um showroom onde eu vivo em Lisboa) 
Adoro tecidos de tramas texturas, tecidos espinhados, misturados com relevos. Evito tecidos com flores.
Adoro decorar festas /adoro dar festas
Dino Goncalves