Um projeto do afamado arquiteto Richard Neutra que se revela uma verdadeira inspiração para os dias frios e chuvosos que (ainda) demorarão a partir.

Fotografia: Nicole Franzen Styling: Colin King para a Anthropologie

O projeto de arquitetura assinado pelo famoso arquiteto austro americano, Richard Neutra, referência do movimento moderno, foi palco do styling criado por Colin King. Habituado a trabalhar na indústria do design, Colin inspira-se chamada ‘imperfeição perfeita’, e empresta a sua estética característica como consultor criativo a uma variedade de marcas e clientes como Roman e Williams GUILD, Zara Home, Anthropologie, Benjamin Moore ou Crate & Barrel, para citar apenas alguns exemplos.

A casa que hoje lhe mostramos é um incrível estudo na mistura de tons neutros suaves, com uma grande variedade de texturas e peças reunidas ao longo do tempo. Um oásis outonal que vem mostrar a importância de selecionar únicas mas com personalidades autênticas.

Cada peça vive de forma autónoma e diferente consoante o ambiente que a integra, motivo pelo qual não deve descartar artigos que à partida pareçam desenquadrados. No local certo elas  podem transformar o ambiente e a sua casa, independentemente do estilo ser mais moderno, de inspiração boémia ou outro.

Algumas combinações improváveis, como o tijolo junto à lareira ou têxteis brancos e felpudos dos cadeirões, são algumas das opções que conferem maior personalidade ao espaço.

Destacamos igualmente o armário de madeira como um bom exemplo, a sua sobreposição de malha é verdadeiramente única, e tem tampo  travertino e cantos arredondados.

Quanto mais entramos no Outuno e Inverno mais apetece pensar a casa como um santuário sagrado e acolhedor, sobretudo em ano de pandemia.

E a presença da madeira, assim como os tons pastel e a variedade de têxteis são, efetivamente, alguns dos maiores recursos a que pode recorrer para tornar a sua casa igualmente acolhedora.