O projeto da Casa Q04L63 começa com a proposta de uma casa de verão. A família – composta plo casal e os três filhos, de diferentes idades -, frequenta a residência durante os fins de semana para os momentos de lazer, além de receber amigos e familiares como convidados.

Arquitetos: mf+arquitetos; Área: 282 m²; Ano: 2020; Fotografias: Felipe Araújo / segundo a memória descritiva dos arquitetos, via Archdaily

O conceito assentou em utilizar 50% da área total para o convívio social dividido entre espaços como: gourmet, sala de jantar, sala de estar, piscina e sauna. O restante foi destinado aos ambientes íntimos de todos os membros.

Esta área íntima localiza-se na parte frontal da casa e é separada por um hall, ao centro, que dá acesso a todos os quartos e aos fundos da casa. Os materiais selecionados para os revestimentos são todos naturais, resultando num espaço mais acolhedor, moderno e intemporal. De entre estas, pedras como o mármore travertino arenado do Egito, que cobre todo o piso e paredes, como do hall principal, ardósia preta, que foi utilizada nas casas de banho e bancadas e o granito rústico nos muros laterais.

Na área destinada ao lazer, réguas de cimento e pedras hijau compõem a área da piscina. Além do recurso à madeira, que contempla ainda mais a natureza em todos seus espaços. 

O mobiliário, de diversos designers como os brasileiros Jader Almeida, Paulo Alves e o austríaco Martin Eisler, também foi escolhido de forma pontual, privilegiando-se produtos como madeira, couro, tecidos e fibras naturais, que seguem o mesmo padrão de cores e elementos dos ambientes.


Para ampliar a interação com o exterior, uma região à beira rio rica em belezas naturais, foram inseridas vegetações em diferentes pontos da casa.

Todas estas composições, a par com a volumetria simples e funcional, proporcionam uma experiência de muito conforto, acolhimento e funcionalidade a todos que frequentam a casa.