Fotografia: José Manuel Ferrão Produção: Amparo Santa-Clara Texto: Isabel Figueiredo

Esta é uma casa ‘cheia’ e com uma dinâmica em boa parte facilitada pelo seu desenho atual, assinado pela Lavradio Design… 

Datada dos anos 70, a casa carecia de uma remodelação profunda, adaptada à dinâmica de uma família numerosa, capaz de servir todas as suas necessidades com o máximo de conforto.

O atelier Lavradio Design assina os projetos de arquitetura de interiores e de decoração, que não se limitou ao interior, tendo sido encarregue, ainda, de repensar a área exterior. 

Todas as alterações, profundas, efetuadas a pedido do cliente assentam na necessidade de munir a casa, interior e exteriormente, do máximo de conforto e funcionalidade considerando tratar-se de uma família com quatro filhos adolescentes – e como tal com uma vida social em crescente atividade.

Com efeito, tanto os pais como os filhos gostam de receber família e amigos e por isso esta é uma casa ‘cheia’, numa dinâmica que é em boa parte facilitada pelo seu desenho atual: em virtude desta realidade, “a casa foi descascada por completo no interior e o seu layout totalmente alterado”, dizem-nos as arquitetas, dando origem uma área social de grandes dimensões, que goza ainda da extensão do alpendre exterior. Com estas modificações, por exemplo, a casa de jantar, separada da sala de estar, recebe hoje até 14 pessoas sentadas à mesa. 

Os seus quase 500 m2 de área interior, com 130 m2 de alpendres, alojam cinco quartos, as salas de estar e de refeições, o escritório e uma sala para usufruto dos filhos equipada com televisão e mesa de estudos, além da cozinha com mesa de pequenos almoços e acesso direto às zonas de refeição, interior e exterior, e os espaços de banho e lavabo social.

O edifício divide-se em quatro andares: no piso térreo localizam-se as áreas sociais, no primeiro piso foram dispostos os quartos com acesso a um sótão equipado com mais um quarto e na cave aloja-se a sala dos mais novos, com acesso direto ao pátio através da janela de grandes dimensões. 

“O nosso maior desafio foi adaptar a casa existente, com várias e pequenas divisões e criar espaços amplos e atuais”, prosseguem as responsáveis do atelier.

Como a casa está virada a sul, com os quartos a nascente e a sala a sul e poente, aqui a luz natural entra em doses generosas. Além disso, a ligação privilegiada a toda a área de jardim envolvente assegura a necessária privacidade dentro de casa.

A generalidade dos espaços exibe uma base neutra, em várias tonalidades de cinzentos e brancos, pontuados aqui e ali por notas de cor mais viva. “É o caso da sala de estar, com linhos e têxteis com padrões de cornucópias ou geométricos, em tons de azul e encarnado, misturados com veludos lisos que, a par com os diferentes tipos de mobiliário e obras de arte, ajudam a criar um ambiente clássico contemporâneo”.
Todas as peças desenhas pelo atelier Lavradio Design foram estudadas para se adaptar ao projeto, “incluindo os vários móveis integrados e ajustados a cada espaço e à sua utilização, como o são as estantes do escritório e da sala”, salientam. 

A exploração de materiais nobres, caso dos diferentes tipos de pedras-mármore pele de tigre no balneário, azul valverde em diferentes acabamentos no pavimento da cozinha e na lareira da sala, o pavimento de toda a área social em mármore Boteccino e a casa de banho social em mármore Imperador castanho – são bom exemplo de um estudo aturado. 

O projeto de iluminação, dinâmico em estilos e funcionalidades, contribui para uma atmosfera equilibrada e serena, acrescentando vários tipos de layers ao projeto de decoração. “Na sala, por exemplo, a sanca a toda a volta está equipada com focos reguláveis que iluminam os quadros; na casa de banho social o espelho retro iluminado parte, sem interrupção, da bancada de pedra, desde o rodapé́ até ao teto; a escada é iluminada através de apliques de parede rasantes ao rodapé́ que se estende ao hall através da guarda em vidro”.

Além das peças desenhadas à medida e da nota de contemporaneidade evidente, a casa exibe algumas peças com “uma história para contar”, referem. “São peças adquiridas durante as muitas viagens dos proprietários e obras de arte que foram sen- do compradas em diferentes épocas da vida desta família”. Toda a sobreposição de elementos, de diferentes estilos e materiais harmonizam sem conflitos, imprimindo ao projeto um caráter único, acrescido de um importante papel funcional, pensado a fundo, para a melhor gestão familiar. Acima de tudo, aqui respira-se conforto e serenidade. 

Não menos importante, é o papel desempenhado pela mancha de verde que rodeia a casa e as infraestruturas criadas.

A zona da piscina foi feita do zero, o jardim da casa – incluindo a zona da piscina e de apoio à mesma -, foi igualmente alvo de remodelação, tendo ainda sido acrescentados alpendres para refeições ao ar livre e um espaço de estar em tom chill.

Aqui, todos os móveis exibem linhas muito simples, com tecidos e almofadas de tons claros da Tine K Home. Na zona da piscina foi desenhado à medida um banco em forma de U, em alvenaria, tornado mais confortável com o conjunto de grandes almofadões em lona azul escura. 

À semelhança do interior, a mistura cuidada de elementos, estilos e materiais prolonga para o exterior o caráter único, a funcionalidade e contemporaneidade, num projeto pensado a fundo para a melhor gestão familiar.