O atelier brasileiro Piacesi Arquitetura assina o projeto desta casa que se abre para o verde e une todos, flora, fauna e utilizadores, numa comunhão onde as fronteiras visuais foram restringidas ao máximo.

Projeto: Piacesi Arquitetura / segundo a memória descritiva / Fotografia: Jomar Bragança

No meio da vegetação, este projeto é um abraço em torno da paisagem envolvente. Árvores frondosas enquadram o pôr do sol, que pode ser visto a partir da sala e da cozinha.

Uma casa aberta, que respira a natureza em seu redor e traz os aspetos de leveza e a paisagem para dentro da casa e o morador para dentro de si.

Ela convida para ficar.
Mistura calma com alma como a nos dizer: vem!
O tempo de dentro é leve, levíssimo.
Acolhe e deixa vagar, prazeroso, o olhar.
É a casa que chama e, em mim, desperta o
que sinto que sei: meu lugar no
mundo é aqui.