A casa que hoje partilhamos foi assinada pela arquiteta Karen Pisacane e alia estética com funcionalidade.

Crédito das fotos: Thiago Travesso

Quando o jovem casal com um bebé solicitou ajuda à arquiteta Karen Pisacane, os seus objetivos estavam bem definidos. Pretendiam um apartamento onde pudessem receber muita gente, que conciliasse a estética com o lado prático da vida e, sobretudo com muita cor e com um mood divertido!

Fugir do óbvio foi a principal preocupação da arquiteta responsável pelo projeto. Do ponto de vista dos acabamentos, manteve-se o piso de mármore original do apartamento. No interior foi colocado vinílico com efeito de cimento afagado, combinado com pavimento de madeira. “A cliente vem da área hospitalar e gostava bastante da facilidade de limpeza, toque e lado prático do material”, acrescenta Karen.

Do ponto de vista estrutural, a sala foi ampliada onde anteriormente existia uma parede de gesso cartonado que formava uma varanda fictícia. Agora, o novo layout permitiu um living com sofá em L, de tonalidade cinza, para deixar que a cor se destaque mais nos acessórios.

Em termos de decoração, a arquiteta sugeriu uma estante de ferro onde foram expostos diversos objetos das viagem do casal e atrás uma parede de tijolo para dar um ar mais descontraído e acolhedor. “Seleccionamos o banco cheig amarelo do Jader Almeida para Clami na sala. Temos as luminárias pendentes Cajá da Bertolucci na copa, Luminária Jabuticaba da Ana Neute no Jantar e tela da zona de jantar de Naia Cescin”, referencia Karen.

“Acreditamos que ficou um apartamento moderno, “descolado” , jovem e colorido”, afirma a arquiteta.

A cozinha recebeu cerâmica espanhola da colormix store nas paredes e os armários em cinza e amarelo conferem maior luz e alegria! Na copa existe uma solução em marcenaria e uma porta de correr para cozinha. O painel na sala esconde a loiça e existe ainda uma sapateira do piso ao teto!

O casal pretende ter mais filhos pelo que foi solicitada uma brinquedoteca. Uma vez mais, uma divisão com grande para as cores e alegria, o quadro do Dalmau foi colocado. O tapete é vinifico precisamente para facilitar a brincadeira e ser de limpeza fácil.

No quarto de dormir do bebé, como não pretendiam um quarto convencional de menina, foi seleccionado um tom verde para um ar mais neutro e os catos como elemento divertido. Tudo foi pontuado com elementos laranja nos objetos decorativos.

Também no quarto do casal a cabeceira laranja foge do óbvio e foi composto um painel de fotos de viagens na parede de cabeceira.

Para a casa de banho do master bedroom foi seleccionado um revestimento com efeito cimento queimado e os metais pretos conferem um ar mais moderno  e atual.