As cidades e a vida dentro delas; casas com espaços verdes, zonas de refeições e pequenos cantos de descanso. Mas também, as cores propostas para 2021, os materiais – terrazzo e alumínio -, as entrevistas e uma mão-cheia de novidades para para a casa. Tudo isto na edição de agosto da sua revista Urbana.

Nesta edição, há muito para ver e ler. Em baixo, um breve resumo do que poderá encontrar na Urbana de agosto, na sua banca do costume.

Marta Vilarinho de Freitas, arquiteta, desenvolveu o projeto “As Cidades e a Memória – a Arquitectura e a Cidade”, um conjunto de intrincados desenhos de cidades que focalizam o universo da Arquitetura e o seu mundo criativo e fascinante. 

Amanhecer no Porto, Marta V. de Freitas

Projetado por Christina Rahtmann para a Woud, o cabide O&O aborda a relação entre as suas duas peças, de tamanhos diferentes. Uma ideia que tem por base o design distinto e o  nome, O&O é inspirado nos modelos de dois anéis de diferentes que pertencem juntos e podem ser arranjados como desejado, em variadas posições.

O&O, Woud

Um passado clássico, testemunhado por alguns elementos construtivos, e um presente cheio de luz, atribuem a esta casa uma atmosfera tranquila e sofisticada.  

Fotografia: José M. Ferrão

A casa, que soma hoje 350 metros quadrados de área útil, rodeada de um belo jardim com piscina, tem uma história que importa aqui ressalvar. Outrora mais pequena, e entretanto transformada de modo a ver o seu espaço aumentado, a residência familiar, a poucos quilómetros de Lisboa, tem projeto de interiores do atelier de Rita Roquette.

Filipa Sáragga em entrevista: “Comecei a pintar aos três anos – a minha mãe diz que eu nunca brincava às bonecas, pintava em todas as brincadeiras”. Fez a primeira exposição aos 10 anos, com uma prima da avô, a aguarelista Ana Maria Appleton, a partir daí, a Pintura, e hoje, também, a escrita, compõem o seu mundo tão especial.

O apartamento do designer de interiores Terry Hunziker é um refúgio urbano, espaçoso e sofisticado, onde passado e presente se harmonizam em estreito equilíbrio. Os materiais e a integração de acessórios e mobiliário personalizados, a arte e os artefactos, contribuem para a atmosfera de luxo.

Fotografia: Kevin Scott

Um sonho colorido, assim é esta casa, um projeto da arquiteta Beatriz Quinelato, que projetou parte da arquitetura e toda a decoração dos interiores.  

Fotografia: @escanhuelaphoto

As cores que vamos usar em 2021, numa seleção de peças e mobiliário a reter. Escolha as suas favoritas e faça (todas) as combinações possíveis.

Alumínio. É um dos mais materiais mais versáteis, devido à ótima combinação de propriedades, ideal para vários usos, da arquitetura ao design.

Maria e Manel, as cadeiras de exterior, para a Adico

Fashion meets design, quando os grandes nomes da moda desenham para as nossas casas, o resultado arranca-nos sempre um ‘wow’.

Dior Maison

Estamos numa de terrazzo. Cores e texturas, combinações improváveis, aplicações… muitas! O terrazzo está de volta, e nós estamos nessa.

Walls by Patel, para a AS-Creation, kathrinpatel.de

Last but not least, o apartamento, no primeiro andar de um edifício construído em 1929, no bairro da Graça, integralmente renovado depois cerca de 20 anos de abandono, que hoje exibe uma nova alma. O projeto de remodelação coube a Pedro Garcia Marques.

Fotografia: Gui Morelli; projeto de Pedro Garcia Marques