Grandes ou pequenas, as cozinhas exigem sempre uma boa organização e um layout bem definido.

Com tantos utensílios e ingredientes para armazenar, os móveis e acessórios competem por uma eficiência permanente.

No momento de planear a sua cozinha é importante fazer escolhas acertadas, e de acordo como os seus hábitos e necessidades. Não apenas as de hoje, mas antevendo um pouco o que poderá vir a necessitar no futuro.

1.LAYOUT INTELIGENTE

Mariana Orsi

Está na base que estará por detrás de uma boa cozinha. Se respeitar a regra do triângulo, que contempla que as três diferentes áreas (armazenamento, preparação de alimentos e confeção) tenham sensivelmente a mesma área, está a garantir meio caminho para o sucesso.

2. MÓVEIS SUPERIORES ATÉ AO TETO

@alexismabille por @humbertetpoyet.

A ideia é não deixar espaço “à vista” entre o topo dos armários superiores e o teto. Além da componente estética, naturalmente, a verdade é que a possibilidade de fazer armários por medida e montá-los tendo como preocupação este ponto, é relevante. Associado a isto está a organização interior dos armários, deixando para a prateleira superior o que utiliza menos, naturalmente.

3. PROFUNDIDADE DE ARMÁRIOS

Iuri Niccolai

Habitualmente os armários de cozinha montam-se por módulos, e estes podem ter diferentes dimensões (embora, tradicionalmente, sejam medidas standard). No momento de delinear a sua cozinha, tenha em mente a profundidade adequada ao espaço disponível. Em áreas pequenas, economizar alguns centímetros na profundidade de armários pode ser benéfico em prol de uma boa circulação, por exemplo. A avaliar caso a caso.

4. BOA ILUMINAÇÃO

Abimis, Stockholm

Muitas vezes esquecida, a iluminação contribui para uma cozinha otimizada. No momento de projetar a sua cozinha, não esquecer os diferentes tipos de iluminação: Geral, os leds e refletores e iluminação direcionada (ou baixa). Os leds, a aplicar na bancada de trabalho, querem-se com uma temperatura mais fria para a confeção de alimentos, a restante pode ter uma temperatura mais quente e confortável.

5. ACESSÓRIOS

Aran Cucine

Certos objetos e equipamentos são úteis e vêm simplificar o quotidiano. Uma barra suspensa ou magnética para pendurar todos os utensílios é um desses exemplos.

6. FUNCIONALIDADE DE ILHAS

Francis Dzikowski OTTO

A rainha destes espaços, a ilha, acrescenta funcionalidade, conforto e design. Há quem opte por integrar à sua ilha armazenamento ou uma bancada para refeições. As ilhas têm a particularidade dos armários estarem implantados em 360 graus para acesso simplificado de ambos os lados.

7. MÓVEIS INTELIGENTES

Boffi

Num layout de cozinha em forma de L ou U, os ângulos podem ser otimizados com móveis adequados. De forma a não haver espaço perdido, a área interior dos armários pode estar equipada com cestas ou bandejas giratórias para armazenar tachos, panelas ou mercearias. Questione o fornecedor sobre as opções disponíveis no mercado de forma a não perder um único centímetro de arrumação.

Crédito da imagem de destaque: Gabinete de Paula Carvalho