Os dias fechados em casa obrigam a outra logística, ao convívio constante, à quebra das nossas rotinas diárias… e pedem entretenimento. Não duvidamos que neste momento a Internet e a Netflix ou a HBO tenham um pico de audiências. E se conseguir afastar o tédio com todas as ferramentas possíveis, então que a cultural seja uma delas. Segundo a Fast Company, o Google Arts & Culture desenvolveu uma parceria com 500 museus e galerias em todo o mundo para oferecer a todos visitas virtuais e exposições on-line de alguns dos museus mais famosos do mundo.

A coleção do Google Arts & Culture inclui o British Museum em Londres, o Guggenheim de Nova Iorque ou o Museu d’Orsay, em Paris, e tantos outros lugares onde podemos navegar em busca do conhecimento.

Tate Britain, Londres

A Tate Britain (conhecida de 1897 a 1932 como Galeria Nacional de Arte Britânica e de 1932 a 2000 como Galeria Tate) é um museu de arte em Millbank, Londres. Faz parte da rede de galerias Tate em Inglaterra, e é a mais antiga da rede, inaugurada em 1897. Abriga uma coleção substancial da arte do Reino Unido desde os tempos de Tudor e possui grandes acervos das obras de JMW Turner, que legou toda a sua coleção à nação. É um dos maiores museus do país.

Museu Thyssen-Bornemisza, Madrid

Oferece aos visitantes uma visão geral da arte do século XIII ao final do século XX. Nas quase mil obras expostas, os visitantes podem contemplar os principais períodos e escolas pictóricas da arte ocidental, como o Renascimento, o Maneirismo, o Barroco, o Rococó, o Romantismo e a arte dos séculos XIX e XX até a Pop Art. O museu também apresenta obras de alguns movimentos como o impressionismo, o fauvismo, o expressionismo alemão e os movimentos de vanguarda experimentais do início do século XX. Além disso, possui uma importante coleção de pintura americana do século XIX, não encontrada em nenhuma outra instituição de museu da Europa.

Guggenheim, Nova Iorque

Pode percorrer a famosa escada em espiral do Guggenheim sem sair de casa e descobrir incríveis obras de arte das eras impressionista, pós-impressionista, moderna e contemporânea

Museu Van Gogh, Amesterdão

Os fãs deste pintor podem rever as suas obras nesta visita virtual porque aqui se reúne uma importante e completa coleção de obras de arte de Vincent van Gogh, onde se incluem mais de 200 pinturas e 500 desenhos.

MASP, São Paulo

O Museu de Arte de São Paulo é um museu privado sem fins lucrativos, fundado pelo empre­sário brasileiro Assis Chateaubriand, em 1947, tornando-se o primeiro museu moderno no país. Hoje, a coleção do MASP reúne mais de 8 mil obras, incluindo pinturas, esculturas, objetos, fotografias e vestuário de diversos períodos, abrangendo a produção europeia, africana, asiática e das Américas. Além da exposição permanente de seu acervo, o MASP realiza um intenso programa de exposições temporárias, cursos, palestras, apresentações de música, dança e teatro.

Gostou deste post? Deixe o seu comentário sobre os pintores favoritos (ou quais os museus que gostaria de poder visitar virtualmente) e partilhe-o nas redes sociais. O seu feedback é essencial para nós. Com a sua opinião, podemos melhorar e oferecer ainda melhor conteúdo. E não se esqueça, siga-nos no Instagram / Pinterest / Facebook