Uma edição a pensar no tema da renovação. Integral ou parcial. Inspirações e soluções, e muitas novidades, claro!, para não deixar para amanhã o que pretende (e pode) mudar hoje. Trazemos-lhe cinco casas inspiradoras que passaram por este processo e que hoje se revelam adaptadas e ajustadas à vida na cidade.

Num momento em que, mais do que nunca, e após meses difíceis, encaramos as nossas casas como um refúgio que deve ser bem cuidado, estas e outras propostas, a conferir, incluem-se na edição de maio.

Spring Time. Iniciamos a edição com peças singulares e trabalhadas à mão, em cristal, porcelana, biscuit. Assinadas por designers e produzidas por empresas de renome, celebram a vida e vão além da função para a qual nasceram.

Agora que o bom tempo nos puxa para refeições prolongadas – ainda que apenas familiarmente -, reunimos as melhores propostas de mesas e cadeiras para desfrutar de almoços e jantares em casa, e com o máximo conforto.

Preparámos um dossier especial ‘Chão e Paredes’. Se aproveita o momento para renovar alguma área da casa, não deixe de ler estas páginas. São muitas inspirações e várias novidades escolhidas a dedo, dos papéis de parede aos pisos de madeira, para quem deseja revestir as superfícies de casa com outras cores e texturas.

Elogiamos o trabalho e visão de Amélie du Passage, fundadora e diretora artística da Petite Friture. No ano em que a marca comemora 11 anos, mostramos-lhe um exemplo de criatividade sem amarras ou preconceitos.

O arquiteto italiano Maurizio Lai ‘leva-nos’ até ao AALTO, um restaurante em Milão, com projeto assinado pelo próprio, onde o Japão encontra uma interpretação original. Dos materiais, às formas passando pelo design sob medida, vale a pena fazer esta viagem gastronómica.

Apesar da fase difícil que o Brasil está a atravessar, lembramos o bom que este país tem para oferecer. Assente no conceito Guest House, o TW Guaibê Exclusive Suites, em Ilhabela, preza pelo conforto e privacidade.

‘Sobe e desce’, escada acima, escada abaixo… abre o mote para a primeira casa desta edição. Uma habitação com a destacada presença de escadas e vazios, muito branco, também, permitindo que a família comunique visualmente sem grande esforço.

Não resistimos e regressamos a Itália! Desta vez a Roma, para conhecer o projeto de interiores assinado pelo Studio Tamat, situado num edifício da década de 30, e modernizado de uma forma irreverente!

Na casa que se segue retomamos o tema dos tons suaves. A decoradora Ana Rita Soares partilhou um dos seus projetos mais recentes: uma habitação de família, situada no charmoso bairro do Restelo.

‘A casa do porteiro do prédio’ parece o título de um filme mas foi apenas a forma que encontrámos para traduzir esta aventura e grande desafio. Em apenas 44 metros quadrados, a arquiteta Juliana Borges trabalhou em colaboração com a proprietária, até encontrarem, juntas, as melhores soluções para tirar partido do espaço reduzido.

Terminamos o roteiro de hometours com ‘A casa da Avenida’. Um projeto assinado pelo atelier de Renata Santos Machado, que tão bem soube dar resposta a uma exigência de linhas modernas e criativas.