O desafio consistiu em transformar um apartamento construído há 70 anos e adaptá-lo à vida de um casal contemporâneo. As soluções encontradas para abrir e fechar as áreas são dignas de nota.

Projeto: aguilo + pedraza arquitectos /Fotografia: Nicolás Saieh / segundo a memória descritiva dos arquitetos

O prédio está localizado na esquina da José Miguel de la Barra com Ismael Valdés Vergara, em Santiago do Chile, e tem vista para o Museu de Belas Artes e o Parque Florestal.

A proposta principal visava construir uma continuidade espacial que permitisse quebrar a rigidez programática original. Desta forma, não só se aumenta a percepção espacial do apartamento, mas também os diferentes usos são incorporados de forma uniforme, sem prioridade uns sobre os outros.

Através de cinco aberturas de tamanhos diferentes, cada uma com uma porta de correr, é possível combinar diferentes áreas e assim adaptar os espaços em função das circunstâncias; desde abrir todas as estruturas e unificar todos os espaços até fechar alguns para obter maior privacidade.

Desta forma, é hoje possível utilizar uma área como quarto de hóspedes ou evitar os aromas que se libertam durante os cozinhados. Esta flexibilidade de uso, inerente à vida dos seus proprietários, foi uma das operações importantes do projeto.

A escolha dos materiais foi tratada com cuidado especial.

Compor com dois é mais fácil do que com três. Trabalhar com dois materiais que qualificam a imagem do projeto foi importante daí a escolha do ferro e da madeira em bruto.

Os centros e portas de correr de cada um dos cinco vãos são construídos com placas de metal de 1 cm de espessura e placas de madeira de mañío. Somados a estes elementos e com os mesmos materiais, todos os móveis e ferragens foram desenhados à media.

Dois mestres, um ferrador e um carpinteiro, ficaram encarregados de executar as obras com o rigor, a perfeição e as imperfeições da disciplina cada vez mais escassa do artesão.

Ano do projeto: 2015
Ano de construção: 2015-2016
Área: 230 m2
Local: Parque Forestal, Santiago.