Nick Brunsdon assina o projeto de arquitetura desta casa, onde havia que assegurar a melhor gestão do espaço, o acesso restrito e um orçamento contido.

Projeto: Nic Brunsdon / Fotografia: Ben Hosking / Segundo a memória descritiva /

The North Perth House é um projeto urbano, no centro da cidade de Perth (Austrália). Localizada num pequeno lote de terreno, a casa fornece uma variedade de espaços, determinados por um arranjo estrutural simples.

Construção eficiente e escolha acertada de materiais foram considerações-chave na gestão de um orçamento apertado e de um local com acesso restrito.

Os painéis pré-moldados de cimento foram escolhidos como material de acabamento e estrutura de construção. Ao usar este sistema de construção como o principal princípio de organização conceptual, o projeto foi capaz de assegurar a economia significativa de dinheiro e tempo, mantendo a integridade do projeto e a inovação no tipo de habitação.

Existem apenas dois tipos de painéis no projeto; um para o piso térreo seguindo na direção leste-oeste paralela à rua, e outro para o primeiro andar seguindo na direção norte-sul, apontando para a cidade.

Os quatro painéis do rés-do-chão suportam os quatro do primeiro piso e interligam-se como uma treliça, ficando presos gravitalmente com alguns reforços laterais.

No piso térreo, estes painéis assinalam os layers de privacidade desde a fachada até à parte de trás da propriedade, cada uma significando um limiar que conduz mais fundo na vida privada da casa.

Garagem, galeria, vestíbulo, cozinha, e depois sala e jardim. No primeiro andar, os painéis giram 90 graus, proporcionando vistas amplas da cidade de Perth, no lado sul e de modo a receber a luz do norte nos quartos.

Momentos de sobreposição permitem dinâmicas espaciais interessantes e vistas verticais e oblíquas dentro e fora da casa.

Cada painel é pontuado por um dos dois tipos de arco: um grande arco e um arco de passagem pedonal. O grande arco serve os gestos mais significativos da casa – perspectiva da cozinha, um pára-sol nas traseiras, um manto oculto e uma janela de galeria.

Ao abrir a porta da rua, uma linha de visão ininterrupta é apresentada estendendo-se da frente à parte traseira do lote. Da mesma forma, ao chegar ao primeiro andar, o arco pedonal apresenta toda a largura da casa.

Estes são gestos importantes num espaço restrito de apenas 9,5 x 23 metros. Quando o arco não é necessário, preenchido com uma folha de madeira ou uma folha isolada de policarbonato translúcido, mantendo a abertura legível.

A paleta de materiais é deliberadamente restringida a estes três tratamentos; cimento bruto para os elementos pesados ​​e resistentes, como os painéis estruturais e o piso, madeira para imprimir alguma intimidade, nos móveis, na marcenaria da cozinha, nas balaustradas e cabeceiras de cama; e folhas translúcidas para mediar o forte sol de leste e oeste e fornecer uma dose de luz suave a toda a altura dos espaços interiores.

A simplicidade do design desmente a complexidade dos espaços resultantes; espaços que são comprimidos e escuros, altos e lavados, crus e inacabados, ricos e íntimos.