O Taj Theog Resort & Spa, em Shimla, Índia, é um projeto de hotelaria de montanha assinado pelo Studio Lotus e colhe inspiração na história vernacular e regional.

Fotografia: Noughts and Crosses

Taj Theog é um resort de luxo com 90 quartos situado num penhasco nos arredores de Theog, uma cidade remota dos Himalaias, no estado de Himachal Pradesh, norte da Índia.

O projeto assinala o primeiro empreendimento de hotelaria do Taj Hotels em Himachal Pradesh e tinha um objetivo claro: casar a rica herança cultural da região com todas as amenities de classe mundial e oferecer aos hóspedes um ambiente orientado para serviços com uma profunda ligação local.

O Studio Lotus foi contratado por Pradeep Sachdeva Design Associates (PSDA), os arquitetos do projeto, para projetar os espaços públicos e vestir de algum calor e intimidade, próprios de uma casa na montanha, a experiência de hotelaria.

Com base no briefing, o estúdio empregou uma paleta de materiais leves, de madeira e pedra de origem local, para criar uma experiência espacial tranquila e restrita. Elementos artesanais contemporâneos do léxico vernacular foram incorporados de modo a evocar gestos espaciais tradicionais associados à hotelaria e ao calor doméstico.

Caso da vitrina principal, no lobby do hotel, com fileiras de fusos de madeira suspensos em telas de metal para recriar o gesto de boas-vindas das casas Himachali mas aqui num formato moderno, bem como para diluir a sensação da grande extensão do espaço.

A escala do espaço é ainda modulada através do uso de madeira de pinho e ardósia de origem local, bem como padrões geométricos intrincados nos azulejos e painéis de madeira, que adicionam densidade visual aos interiores.

O resort, distribuído por três níveis, é composto por zonas caracterizadas por elementos específicos para criar uma identidade distinta. Por exemplo, a ardósia local e a pedra Budhpura são usadas no espaço de refeições em harmonia com as vistas panorâmicas do vale de Theog.

Em contraste, a ampla extensão do piso e o teto baixo do bar ajudam a criar uma atmosfera semelhante à de um vagão de comboio, inspirada nos vagões-restaurante da era colonial. Para o restaurante de especialidades, a expressão escultural do revestimento das paredes inspira-se nas influências asiáticas, bem como nas tradições da cerâmica da região.

Da mesma forma, as zonas de lazer nos níveis mais baixos, incluindo spa, salão e ginásio, apresentam obras de arte e dispositivos de narração de histórias para criar uma sensação de lugar para cada instalação.

Um corpo de água contemplativo central em forma de kund saúda os visitantes na entrada da zona; mais além, os corredores que conduzem às salas de tratamento são pontuados com ilustrações especialmente encomendadas da flora e da fauna locais, e vitrines com flores prensadas e preservadas recolhidas nas redondezas.

Além disso, o diálogo de pedra e madeira estende-se aos espaços de circulação do hotel; por via do uso estratégico de madeira deodar, bem como motivos esculpidos à mão que fazem referência à arte e cultura de Himachal Pradesh, o esquema de design evoca uma sensação de continuidade conforme os hóspedes circulam pelos espaços.

Diz Ankur Choksi, diretor, sobre o projeto: “No geral, mesmo com a narrativa das histórias locais tecidas, a ampla postura do esquema interior é fornecer um pano de fundo neutro e evocativo de modo a que a equipa do hotel possa melhorar a experiência quotidiana dos hóspedes, usando os seus valores essenciais de serviço e atenção às necessidades pessoais. A intervenção de design apenas tenta substanciar essa sensação de luxo que é criada pela experiência de ser verdadeiramente cuidado. ”

FICHA TÉCNICA

Nome Oficial do Projeto: Taj Theog Resort & Spa
Local: Theog, Himachal Pradesh
Cliente: Indian Hotels Company Limited
Arquitetos: Pradeep Sachdeva Design Associates (PSDA)
Design de interiores (espaços públicos): Studio Lotus
Equipa de design (Studio Lotus): Ankur Choksi, Pankhuri Goel, Shikha Gupta, Palak Mittal, Mira Asher, Ayushi Goyal, Arun Sharma
Arquiteto paisagista: Pradeep Sachdeva Design Associates
Setor: Interior para hotelaria
Data de conclusão do projeto: fevereiro de 2020

Sobre o coletivo:

Studio Lotus é uma prática de design multidisciplinar fundada em 2002 e, 18 anos depois, é uma das empresas de arquitetura mais inovadoras da Índia, com Ambrish Arora, Ankur Choksi, Sidhartha Talwar, Pankhuri Goel e Asha Sairam no comando como diretores.