O mesmo seria perguntar se prefere Nate Berkus ou Maryn Lawrence Bullard? Dois designers de interiores, duas propostas para instalações sanitárias. Da mais irreverente à mais clássica e intemporal.

É público que para Nate Berkus as instalações sanitárias devem ser pensadas como algo mais do que espaços utilitários e funcionais. O designer (autor do projeto acima) defende que aqui, tal como nas restantes divisões, o objetivo é expressar o estilo e preferências de quem vive os espaços, desde as cores,a os materiais, texturas ou acessórios. O importante é nunca fazer as coisa “só porque sim”, mas antes encontrar um propósito para cada escolha. Trate-se de misturais metais, aplicar papel de parede ou iluminação vintage. O truque para projetar casas de banheiro algo sofisticadas é ir um pouco mais além do básico, decorando-os como se decora qualquer outro espaço da casa.

O Martyn Lawrence Bullard adora juntar elementos improváveis na mesma divisão, como pode ser observado na imagem. E esta casa de banho é um desses exemplos. Localizado em Villa Luna, o que diferencia este projeto de outros em instalações sanitárias é, sem dúvida, o boost de cor contrastante com o mobiliário neutro. E não falamos apenas do cor de  laranja trazido pelo tapete e toalha de banho. São, sobretudo, os armários forrados com este incrível tecido Missoni (igualmente conhecido pelos seus padrões e cores vibrantes). Uma adaptação relativamente fácil de executar se tiver armários com porta na sua casa de banho. Fica a sugestão.