Uma reforma e extensão de uso misto, o HVdP – hospital veterinário do parque – é um hospital veterinário de última geração, clínica de emergência e estúdio de fotografia.

Montreal, Canadá
Projeto: TBA Architects / Thomas Balaban

Ficha técnicaÁrea do Hospital: 345 m2; Área de construção: 750 m2; data de conclusão: 2018; Design de Interiores: T B A / Jean-Marc Renaud

A equipa do atelier de arquitetura TBA Architetcs redefiniu a experiência veterinária do bairro Mile End (Montreal, Canadá), recuperando a fachada em ruínas do antigo edifício, e o espaço escuro, agora com nova alma e vida, onde as paredes cruas pré-existentes e as superfícies envidraçadas exprimem serenidade e elegância.

Nesta clínica e hospital veterinário, os materiais usados apoiam uma estética e as necessidades específicas do espaço multi-usos, onde pedra, cimento e revestimenros cerâmicos são destaque.  As áreas técnicas foram eficientemente organizadas em torno de uma espinha central de circulação, permitindo uma ampla recepção onde animais e donos podem circular livremente. O mobiliário personalizado em Corian pode ser obsevado através das divisórias envidraçadas que procuram aliviar a ansiedade e subverter as formalidades de médicos / clientes / pacientes tradicionais.

Renovação e Extensão de Edifícios

A intervenção económica e ambientalmente saudável deu origem a um espaço contemporâneo de quatro andares e a uma estrutura existente de dois andares.

As novas extensões de telhado e parte traseira mantêm uma fachada comercial típica do bairro Mile End, adicionando quatro unidades residenciais nos pisos superiores. A nova estrutura insere-se delicadamente na estrutura de aço existente, usando o perímetro da construção como uma diretriz para a nova forma. Integrado no design, está o pátio central. As unidades superiores ocupam dois andares. A unidade da frente, pertencente ao veterinário, dá para um grande telhado escondido com vista para o Monte Royal de Montreal.No exterior, o edifício é contido e monocromático. A fachada é revestida num único material, uma grade de calcário extraído da pedreira local, a 50 km de distância. Detalhes subtis de alumínio cercam janelas e portas, e as grades de proteção perfuradas desaparecem no fundo monocromático. As varandas inteiramemente envidraçadas são perfuradas na fachada dando maior privacidade, enquanto simplificam a forma do edifício.


 

Sem mais artigos