Iva, a escultora especializada em gessos decorativos, cujo portfólio inclui, entre outros, os interiores realizados para os hotéis Memmo, no Príncipe Real, em Lisboa, o Shangri-La de Paris e o Four Seasons, em Londres, mergulha alma e mãos na matéria, recuperando uma arte de todos os tempos.

No atelier, em Viana do Castelo, Iva concentra todas as atenções nos gessos e estuques

No atelier, em Viana do Castelo, Iva concentra todas as atenções nos gessos e estuques

Com uma década de experiência, e desde 2013 a laborar no seu próprio atelier, em Viana do Castelo, Iva Viana concentra todas as atenções nos gessos e estuques, dedicando-se a trabalhos de todas as escalas. Para ela, esta arte antiga, outrora trabalhada predominantemente pelas mãos masculinas, é abordada com uma sensibilidade e estética muito especiais, visível em todas as peças, qualquer que seja o enquadramento ou dimensão.

Para Iva, esta arte antiga, outrora trabalhada predominantemente pelas mãos masculinas, é abordada com uma sensibilidade e estética muito especiais

Para Iva, esta arte antiga, outrora trabalhada predominantemente pelas mãos masculinas, é abordada com uma sensibilidade e estética muito especiais

Da autora, e em Portugal podemos encontrar trabalhos feitos para residências privadas, espaços comerciais, caso da boutique Eugénio Campos (Porto), hotéis, entre outros. É notória, nestes trabalhos, a forma como Iva Viana traz para o presente toda a riqueza desta arte, propondo um encontro entre o passado e a atualidade, nuns casos, recuperando formas de antigamente, reinterpretando-as; noutros, apenas usando a matéria e as técnicas para dar origem a peças contemporâneas, aplicando a sua experiência e criatividade aos objetos, aos espaços, ou até paisagem. Desde 2013, também, que Iva tem desenvolvido varias parcerias e exposições paralelas, assim como um conjunto de colaborações com gabinetes de arquitetura e de design de interiores para o desenvolvimento e execução de obras personalizadas, com acompanhamento do cliente final.

Sala de estar, Kirstengrant Figgo

Sala de estar, Kirstengrant Figgo

A vertente mais decorativa e comercial do atelier pode ser vista e adquirida nas lojas Pura Cal, na LX Factory, em Lisboa, Improviso, em Leiria, Risco, em Aveiro, Objectos Misturados, em Viana, ou em Melbourne, na Austrália, na Figgoscope Interior Design and Homeware.

 

Em direto!

  1. Qual foi o projeto mais ambicioso ou desafiante? E porquê?

O teto, no Príncipe Real, porque foi o primeiro teto que criei. Já trabalhava há 6 anos, mas recordo-me que foi um desafio e depois de o ver montado, não me lembro de me sentir tão feliz.

  1. Se não fosse escultora, que outra atividade teria, onde se revê?

Gostaria de ser bailarina ou pelo menos ter uma atividade ligada à dança. Às vezes o atelier transforma-se num salão de dança, principalmente quando estou sozinha (risos).

  1. O que a atrai neste universo do gesso, do trabalhar com as mãos?

Atrai-me a matéria e a forma como ela se deixa trabalhar. Adoro a textura e o aspeto final, depois de seco.

  1. Que artistas desta disciplina segue e porquê? 

Geoffrey Preston é para mim o mestre dos mestres no que diz respeito ao trabalho de gesso decorativo, tem um trabalho maravilhoso. Já tive a oportunidade de o conhecer.

  1. E quem são os emergentes que gostaria de salientar?

Kathy Dalwood, não é bem emergente mas trabalha e explora o gesso de uma forma que adoro, com reproduções de peças banais do dia a dia e cria umas composições incríveis. Adoro acompanhar o trabalho dela, é muito inspirador.

  1. Um lema de vida 

Rir para não chorar.

  1. Um país / cidade que a inspira, e porquê. 

Londres, porque é uma cidade do mundo, multicultural.

DSC_6877

Passaporte

 

Iva Viana nasceu em Viana do Castelo (1980), licenciou-se em Artes Plásticas, na variante de escultura, pela Faculdade de Belas Artes do Porto e, entre 2002 e 2003, passou pela Akademia Sztuk Pieknych, em Cracóvia, na Polónia, onde frequentou Tecnologias de Cerâmica, Pedra e Multimédia.

Em 2007 iniciou o seu percurso como técnica de escultura numa empresa internacional de gessos decorativos e em 2009 estagiou com o escultor Pierre Merlin, em Nîmes, França.

Passou por Moçambique e Brasil no âmbito de programas de intercâmbio artístico.

 

CONTACTOS

[email protected]

www.ivavianaescultura.com

www.instagram.com/iva.viana_sculpture/ Iva Viana – 969 797 069

Sem mais artigos